01

Brasileirão Feminino Série A2: Minas Icesp volta da Bahia com empate na bagagem

Uma partida, terceira parte de um sonho realizado. Na tarde deste domingo (8), o Minas Icesp foi até a capital baiana, Salvador, para começar a decidir o título do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino da Série A2. Após se garantirem na final, as meninas do Distrito Federal cumpriram outra parcela da missão, voltar com um bom resultado na bagagem do jogo da ida. Compromisso cumprido com o empate em 2 x 2. Agora uma vitória simples em casa garante a conquista inédita de serem campeãs da competição nacional.

Como foi o jogo?

Ainda no primeiro tempo, o Mnas Icesp mostrou que não foi até Salvador-BA fazer turismo, uma vez que já havia garantido a vaga na Série A1 do 2019, por ter chegado à final. Com um futebol envolvente, as "Minas" abriram o marcador aos 19 minutos. Após descida pela direita, a artilheira da equipe na competição, com oito gols, Victória, recebeu em profundidade e chutou para fazer 1 x 0. 

Mas o time rubro-negro não deixou por menos. O troco veio logo em seguida. Aos 22 minutos, Tainara cobrou falta na área, a zaga não afastou e Any escorou para empatar, alterando o placar para 1 x 1. Mas as brasilienses não se intimidaram e voltaram a ficar na frente. Em jogada pela esquerda, Bárbara apenas completou para o fundo das redes: 2 x 1. Assim termonou o primeiro tempo.

Em desvantagem na partida, o Vitória tentou colocar uma pressão no time do DF, mas parou sempre no bom sistema defensivo armado pelo técnico Singol Santos e nas defesas da eficiente goleira Kris. Porém, de tanto insistirem e empurradas pelos cerca de dois mil torcedores presentes no estádio Barradão, as jogadoras baianas chegaram à nova igualdade, no apagar das luzes. Aos 50 minutos, Gadú marcou de cabeça, dando números finais ao confronto: 2 x 2.

A partida de volta e finalíssima do Brasileirão Feminino da Série A2 está marcada para a próxima quinta-feira (12), no estádio Abadião, na Ceilândia, a partir das 15 horas. A entrada dos torcedores será viabilizada com a doação de 1 (um) quilo de alimento não perecível.

Foto: Maurícia da Matta/E. C. Vitória

Ascom FFDF